Prisão de Rummeningher | Saiba mais sobre sua prisão pela Policia Civil de Tocantins

O empresário acusado de ter atropelado e matado o músico Welington José dos Campos, conhecido como Russo, foi preso nesta terça-feira (22), em Palmas (TO). O crime aconteceu em Leme (SP), em março de 2016.

A Polícia Civil chegou até Rumeningher Alves Brito, de 27 anos, após investigações. Ele estava foragido desde o dia do atropelamento.

Segundo a polícia, ele deve ser transferido para um presídio em São Paulo, mas o local e a data ainda não foram definidos. Brito responde a processo por homicídio qualificado. A defesa dele não foi localizada pelo G1.

O crime

O atropelamento aconteceu no Jardim Nova Leme na tarde do dia 28 de março de 2016. De acordo com a PM, Brito e a vítima tinham brigaram dias antes.

  • Homem morre atropelado em Leme após suposta briga

Ao ver o homem na rua com mais três amigos, o agressor teria jogado o carro sobre eles, atingindo Campos, que chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. Os companheiros conseguiram escapar.

Ainda segundo a PM, o agressor fugiu do local sem prestar socorro à vítima. O motivo da briga não foi divulgado pela polícia.

fonte: Surgiu.com.br  | foto: Dennis Tavares