“Diminuir o uso do celular” Médico precisou receitar para sua paciente

A criança estava com anemia porque não largava o smartphone nem para comer e dormir.

Quando é que poderíamos imaginar um receituário médico com a prescrição “Diminuir o uso do celular”?! Pois é, parece que este é futuro da nossa sociedade. Veja um caso que aconteceu no Piauí.

Preocupada com os sintomas que a filha Sofia, de apenas 10 anos, estava apresentando, a mãe Fernanda resolveu levá-la ao médico.

Depois de ouvir todas as queixas de fraqueza, tontura e enjoos que a menina estava sentindo nas últimas semanas, o Dr. Francisco de Castro, que tem 39 anos de profissão, questionou à mãe sobre a rotina da menina, relevando informações sobre sua fixação pelo celular, que a fazia deixar de comer e de dormir para ficar vidrada na tela do aparelho.

Receita médica recomenda menos uso de celular

Logo, o médico percebeu que não comendo nem dormindo direito, os sintomas de Sofia eram de anemia. E junto com as demais orientações, ele resolveu receitar a diminuição do uso do celular.

Sofia foi um pouco relutante no início da mudança de rotina, mas logo entendeu o que era melhor para sua saúde, que de fato melhorou em poucos dias.

Fernanda publicou a receita nas redes sociais em agradecimento ao médico que foi tão atencioso. Logo, percebeu muitos comentários e compartilhamentos, já que certamente não era a única a ter uma adolescente obcecada pelo smartphone em casa.

Nessa idade, muitos filhos já não ouvem o que os pais dizem, mas com um médico falando que você precisa passar menos tempo no celular ou ficará muito doente, é uma grande ajuda para as crianças e adolescentes perceberem a gravidade do problema.

Esta foi a primeira vez que Dr. Francisco precisou fazer um receituário inusitado como este, mas já sabe que pode não ser a única, pois cada vez mais os adolescentes estão trocando a vida real pela digital, a ponto de adoecerem.

f. dicasonline